Mega Artesanal - Resenha

Aconteceu em São Paulo, na Expo Imigrantes, a Mega Artesanal, a maior feira de Artesanato da América Latina, especializada em produtos, técnicas e ferramentas para arte e artesanato.
A feira acontece desde 2003 onde era somente Artesanal e devido ao seu potencial crescimento tornou-se a Mega Artesanal em 2009. Esse ano o evento foi realizado de 30/06 a 05/07, o primeiro dia é sempre destinado ao lojista.
Já estive presente na feira, como visitante, três vezes, mas esse ano a feira me proporcionou uma experiência muito especial. Fui convidada pela Santa Fé, maior fabricantes de feltros do Brasil a expor o meu trabalho no stand deles, junto com mais 20 artesãos do Brasil. A seleção desses profissionais foi feita pela própria empresa e tive a honra de fazer parte desse time.
Daí já para ter uma noção da grandiosidade do evento e o quanto isso significou pra mim né? Então vou tentar fazer uma resenha de tudo que foi essa experiência para mim, pessoa e profissional, porque hoje escrevo como a Thais Ranauro Mendes e não só a Arteira Feltro e Cia.

1 – O CONVITE
Ser convidada para fazer parte de um time de feras desse e por uma empresa com esse porte, que fabrica um produto que você usa e acredita nele, já foi algo bem especial. Não só pelo convite, mas por você usar o produto que te convidou. Desde que comecei com o artesanato com feltro em 2008, é essa marca que uso nas encomendas, que acompanho os lançamentos e que pra mim tem uma qualidade diferenciada. Uso e recomendo.....já testei outras marcas e particularmente sou fã do produto que utilizo, pela qualidade e pela valorização do artesanato e do artesão, isso agrega muito a marca no olhar de quem utiliza esse material.
Posso dizer isso com o meu olhar publicitário de tudo, pois sou formada em Publicidade e Propagada e quem está falando sobre isso é a publicitária e não só a artesã....a marca tem agradado isso, qualidade, novidades, promoções e incentivo ao artesão e ao artesanato, isso no meu ponto de vista como consumidora acaba te envolvendo com a marca, porque você usa, indica e tem uma visão diferenciada do material utilizado.
Então o convite se tornou especial por isso, foi convidada para expor meu trabalho, por uma empresa que acredito no produto! Não só pelo convite em si.....

2 – O TIME
Ficamos do lado de cá, confeccionando as peças, buscando dicas, apostilas, técnicas, sempre com o objetivo de melhorar o produto final e nisso buscamos inspirações, temos profissionais que são referencia e acompanhamos o trabalho, mas sempre do outro lado da tela.
Estar aprendendo ao vivo, conhecer pessoas que você admira o seu trabalho, servem de referencias para você e são inspiração é algo realmente diferente....
Ficamos no mundo, agulha, linhas e feltro e o nosso contato com outros profissionais ou até mesmo com o cliente, acaba sendo pela tela do computador ou do celular. Assim a Mega Artesanal possibilitou isso, estar ao lado de profissionais que você admira e pessoas que admiram o seu trabalho (disso falo depois, algo mágico).
Mas focando no time que você se vê fazendo parte foi algo muito diferente, saber que seu trabalho, sua dedicação te levou ali perto de pessoas que você admira e trocar ideia com eles foi algo sensacional! Pois a gente, quando faz com amor, faz o melhor e ser reconhecida por isso é algo fabuloso.....difícil de descrever! Uma realização pessoas e profissional inexplicável.
O carinho dos outros profissionais, a amizade, o companheirismo, foi algo bem bacana....o clima é outro! Cada um tem a sua técnica, o seu jeito, o seu estilo, o seu mercado, não tem isso de rivalidade e competição não, não mesmooo, até porque sou da teoria que mesmo que você pegue o mesmo molde, não sairá igual o do outro, cada um tem seu estilo, sei jeitinho e isso vira realizada ao estar todo mundo no mesmo time. Tanto que uma amiga de feltro, que mora a quilômetros de mim e nos conhecemos através de um concurso da Santa Fé, fez um passo a passo super fofo a maquina para me ajudar a fazer um personagem, tem noção? Era esse o clima de amizade.....
Uma ressalva mais que especial para a Priscila Cunha, comecei com feltro há 7 anos e quando comecei existia pouco, muito pouco sobre feltro e aprendi muito, muito mesmo, desde pontinho, a encher a peça com cuidado, a fazer o molde, a pregar olhinho e tudo mais com ela. Isso para uma menina que não sabia nem pregar um botão...rsrsrs....
E estar ao lado dela na Mega Artesanal, foi algo muito bacana!

3 – O PÚBLICO
Ui....esse é o mais difícil de descrever! Meu Deus....algo surreal e inexplicável.
Eu jamais imaginei isso, jamais.....as pessoas te abordam com um carinho e uma admiração com o seu trabalho que é algo fantástico. No primeiro dia, participei nos dias 01 e 04 de julho, eu sai de lá meia zonza com isso.
Trocar experiência, explicar, dividir o conhecimento e ao mesmo tempo receber um carinho sem fim com as suas peças, com o seu trabalho. Gente chegando em você para falar que te segue nas redes sociais, que admira o seu trabalho, que é sua fã...oi? Eu? Rs....mágico isso!
Ficamos sozinhas costurando e correndo contra o tempo, para entregar tudo no prazo e vivemos no mundo do contato virtual e de repente você pode ver a expressão no rosto da pessoa com o seu trabalho, receber o carinho ali ao vivo. Muito diferente do dia a dia, aqui nos bastidores não dá para imaginar o quanto o nosso trabalho toma uma dimensão bem maior do que podemos imaginar.
Ouvir algo do tipo: nossa você serve de inspiração pra mim! Ui...é forte demais, você não trabalha para isso, mas ouvir isso é gratificante, inspirador e uma avaliação muito real do que você tenta colocar nas suas peças, amor e carinho com o que faz.
Acho que é isso, fazer com amor e colher os frutos. Extremamente gratificante e revigorante....

4 – CONCLUSÃO
Descrever essa experiência é algo impossível, tentei passar um pouco de tudo que vivi aqui para você, até mesmo para agradecer a todos envolvidos nesse processo e aqui entra marido, mãe, pai, sogra...todo mundo que vive esse sonho junto comigo a cada dia, aqui ao meu lado ou a distância, meu muito, muito obrigada! Devo tudo isso a vocês também.....e escrever esse texto é uma forma de compartilhar e eternizar essas lembranças.
Surreal! É a minha definição pra todo esse processo....
Por mais que agradeça, sempre terei mais alguém a agradecer em tudo, desde a Caravana da toninha, que me ajudou a ir os dois dias da feira, a empresa que trabalho (pois trabalho fora também e me liberaram um dia), a minha mãe e minha sogra que são minhas costureiras oficiais, ao marido com a paciência e ajuda sempre, aos amigos e colegas de feltro que fiz por lá, a Santa Fé pela oportunidade e pela organização impecável.
Foi uma experiência que me trouxa uma bagagem enorme de conhecimento e de vida....valeu cada momento, a correria para que tudo desse certo, os dois dias que desci e voltei pra minha cidade e desci de novo para SP, enfim tudo valeu muito a pena.

Conforme prometi, logo estarei postando os moldes dos balões do quadro do Up Altas Aventuras, que foi um sucesso, muito maior do que eu esperava.....uma forma de agradecer vocês por todo carinho recebido.


E vamos que vamos.....


O quadro do Up que fez o maior sucesso! Não espera....

Um pouco da minha vitrine do dia 01/07

Thais Ranauro Mendes (eu) corujando minhas peças! 

O sorriso não esconde a felicidade que estava estampada....

No face da Arteira Feltro e Cia, você encontra mais fotos dos bastidores do stand da Santa Fé. =)

1 comentários:

  1. Boa noite, como vai ??
    Como faço para adquirir a apostila que ensina a fazer a turma do Up Altas Aventuras ?

    ResponderExcluir